Felipão sem segredos

FelipãoFelipão caiu em uma pegadinha

Foi ótimo.
Tomara que ele caia muitas outras vezes.
Assim, todos ficarão sabendo quais seus planos futuros com relação a vários jogadores.
Aquelas entrevistas coletivas, normalmente, não revelam as verdadeiras intenções do entrevistado.
Mas, ele só cairá se do outro lado da linha estiver um estrangeiro.
E, de preferência, que diga que é um dirigente de clube europeu.
Felipão é um homem educado. Experiente, campeão do mundo, pessoa vivida e difícil de ser enganado.
Mas não foi difícil para o repórter da Cadena Cope, da Espanha, falar com o treinador da Seleção Brasileira.
Bastou mentir.
Nos últimos tempos, eu tinha a sensação que Felipão estava inacessível.
É quase impossível falar com ele.
Uma entrevista exclusiva, digamos, é escolhida a dedo pelo seu staff. E, mesmo assim, são raras.
A gravação permitiu saber que o treinador da Seleção Brasileira fala com empresários dos jogadores.
Ele disse ao “dirigente” do Atlético de Madrid que já tinha falado com o agente de Diego Costa, Jorge Mendes.
Eu pensei que para evitar interpretações distorcidas um treinador evitava esse tipo de contato.
Com tantos anos na estrada, o técnico deveria mandar alguém do numeroso departamento de futebol da CBF ligar diretamente para o jogador e perguntar se ele estava disposto a jogar pelo Brasil ou pela Espanha.
Perguntar ao empresário do atleta? Não seria mais prático ouvir o desejo da própria boca do jogador?
Tomamos conhecimento, também, que Felipão já considera Fred titular no Mundial, Diego Costa é o segundo na posição e o nosso treinador ainda não escolheu o terceiro nome. Fica claro que muitos dos que foram chamados nos últimos tempos apenas atuaram como figurantes passageiros.
Quando o personagem que enganou Felipão disse que, se participar do Mundial, Diego Costa terá direito a uma bonificação de 5 milhões de euros, o treinador alertou para que paguem a importância só depois do evento.
Luís Felipe Scolari está mesmo fascinado pelo jogador Diego Costa. Garantiu que se o Mundial fosse amanhã, o atleta estaria na competição.
E confidenciou ao “dirigente” que o atacante terá espaço para mostrar toda a sua competência nos jogos contra Honduras e Chile, em Novembro.
Já sabemos, agora, que Felipão é um grande fá do Atlético de Madri e até garantiu que irá jantar com seus dirigentes quando visitar a capital espanhola.
Várias destas informações só poderiam ser reveladas através de uma “pegadinha” .
Torço para que Felipão não tenha ficado irritado. Afinal, ele só falou a verdade.
Um dos maiores desejos de quem acompanha o trabalho da Seleção Brasileira de futebol é conhecer um pouco mais os bastidores da bola.

Comentários

comments