“A pessoa sob efeito de maconha no trânsito é igual a estar alcoolizada”

Izilda Alves   12/08/2017   Comentários desativados em “A pessoa sob efeito de maconha no trânsito é igual a estar alcoolizada” | Shortlink:

 

Você já viu aqueles motoristas que ” costuram no trânsito”? Eles estão sob a mira de pesquisadores dos efeitos da maconha no trânsito. Os estudos vêm sendo realizados na Austrália, Escandinávia, Estados Unidos e Canadá. O psiquiatra Flavio Pechansky, que vai falar sobre os riscos das drogas para motoristas no Congresso Brasileiro da ABEAD- Associação Brasileira de Estudos do Álcool e outras drogas, em 13 de setembro ,em Gramado, no Rio Grande do Sul, conta o que pesquisas já revelam:

“A pessoa sob efeito de maconha no trânsito é igual a estar alcoolizada.Nos estudos já está comprovado que a maconha afeta bastante a competência do motorista no avaliar distância do automóvel da frente, ao manter uma distância correta e no tempo que leva para reagir a um estímulo como uma freada brusca do automóvel da frente, no carro que vem no outro sentido, faróis ligados. E a gente sabe que uma colisão de trânsito é na verdade uma sequência de pequenos eventos que quando estão encadeados vão causá-las, não é uma coisa só. Sob efeito de maconha ela facilita a ocorrência desse eventos.Por exemplo, o padrão para identificar o dano que a droga causa no dirigir é o que a gente chama de costurar no trânsito, andar pelos lados e isso é uma medida sinalizadora e eles fazem tanto em simuladores como em situações reais como na Holanda, em carros de verdade com motoristas junto com técnicos ao seu lado.”

http://abead.com.br/Congresso2017/ProgramaOficial.pdfhttp://abead.com.br/Congresso2017/ProgramaOficial.pdf

Psiquiatra Flavio Pechansky criou o Núcleo de Estudos e Pesquisa em Trânsito e Álcool da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. É professor visitante das universidades da Pensilvânia e do Kentucky. Foi editor-assistente do periódico “Addiction” e é membro do Conselho Editorial do “Addiction Science & Clinical Practice”. É membro do Conselho Internacional de Álcool, Drogas e Segurança de Trânsito.

Comentários

comments