Filho de dona Ivone já está internado no Cratod e aguarda vaga em clínica

Izilda Alves   21/08/2017   Comentários desativados em Filho de dona Ivone já está internado no Cratod e aguarda vaga em clínica | Shortlink:

 

Filho de dona Ivone Alves dos Santos acaba de ser internado. Aguarda na enfermaria do Cratod transferência para um clínica mantida pelo Programa Recomeço.

O paciente foi resgatado pela equipe New Start Remocões, a pedido do Vice-Presidente da Federação do Amor Exigente, Miguel Tortorelli. A equipe chegou à casa de dona Ivone às 5h50m desta manhã, após a informação da mãe, dona Ivone, de que o filho havia voltado para casa e estava dormindo. Renato Perdigão chefe da equipe de remoção pediu à mãe, dona Ivone, que assinasse a autorização para a equipe levar o filho ao Cratod. “Não houve reação do rapaz, que aceitou entrar na ambulância com a mãe para serem levados ao Cratod”.

Renato Perdigão descreve o paciente: “35 anos, 1,83ms, 80 quilos, usuário de múltiplas drogas”. O carro utilizado para o resgate estava descaracterizado com equipe formada por um motorista e dois socorristas especializados no atendimento de dependentes de drogas. “Quando já estavam há vinte minutos na ambulância- mãe, filho , os dois socorristas e o motorista- o rapaz pediu para tomar um lanche. A equipe atendeu ao pedido porque ela estava calmo, sem apresentar nenhum tipo de resistência.”

Às 8h50, a equipe com o paciente e a mãe chegaram ao Cratod, na rua Prates, onde o rapaz foi acolhido pelo enfermeiro Cesar Fernandes ( COREN – 384251 ), “em perfeitas condições físicas, decorrente do procedimentos de Remoção”. Agora, ficará na enfermaria do Cratod aguardando por vaga para sua internação.

Importante destacar que no sábado de manhã, logo após a Jovem Pan apresentar a denúncia da mãe, dona Ivone, de que o filho usuário de múltiplas drogas e resgatado no lixo, havia sido mandado pra casa por psiquiatra do Cratod, recomendando que procurassem o CAPS do bairro, o diretor do Cratod-, doutor Marcelo Ribeiro ligou para dona Ivone reconhecendo “o equívoco” e informando que estava mandando imediatamente ambulância com enfermeiros para buscar o rapaz. Mas quando a ambulância chegou , ele havia fugido. Só apareceu no final da noite de domingo, após a mãe percorrer ruas do bairro, vielas e favelas e ao encontrar o filho num ferro velho fazer um apelo emocionado de que ele necessitava de tratamento e ela estava lá para acolhê-lo, ajudá-lo. Naquele momento, ele xingou a mãe, disse que não voltaria porque “o médico tinha dito que ele não precisava de tratamento”.

Mas no final da noite, ele voltou para casa e, enquanto dormia, a mãe , mais uma vez procurou a ajuda de Miguel Tortorelli que resolveu o caso do resgate e, agora, o rapaz inicia o que ele mais necessita: tratamento.

É o AMOR EXIGENTE salvando vidas, levando esperança onde tudo parece ruir.

Obrigada, MIGUEL TORTORELLI, em nome de todas as famílias vítimas da epidemia causada pelo uso de drogas e ainda ignorada pelo Ministério da Saúde. 
O AMOR EXIGENTE continua cultivando esperança e devolvendo vida, saúde a quem tanto necessita: os dependentes de drogas.

Comentários

comments