Dobra o número de crianças internadas nos Estados Unidos por comerem doces com maconha

Izilda Alves   03/04/2017   Comentários desativados em Dobra o número de crianças internadas nos Estados Unidos por comerem doces com maconha | Shortlink:

Dobra o número de  crianças  internadas  nos Estados Unidos por comerem doces com maconha, chocolate com maconha  e tomarem refrigerantes  com maconha   nos  estados onde essa droga foi legalizada, denuncia  o advogado JEFFREY ZINSMEISTER nesta entrevista  exclusiva à  Jovem Pan. Foi na  SPDM- Associação Paulista para o Desenvolvimento da Medicina, na Vila Clementino, Zona Sul de São Paulo,sexta-feira, onde fez palestra a convite do presidente  da  SPDM, psiquiatra Ronaldo Laranjeira.

O advogado JEFFREY ZINSMEISTER, do Instituto de Políticas sobre Drogas da Universidade da Flórida, do Conselho de Relações Exteriores dos Estados Unidos, é Vice- Presidente Executivo da Smart Approaches to Marijuana, formada por organizações e profissionais dedicados a uma primeira abordagem de saúde para a política de maconha. Participam da Smart profissionais que trabalham em saúde mental e saúde pública: médicos, legisladores, representantes de clínicas, prevencionistas, professores, agentes da lei e outros que procuram um caminho intermediário entre o encarceramento e a legalização.

Gravação: Denise Ornellas.

Assista ao vídeo:

Comentários

comments